background
INÍCIO | APRESENTAÇÃO | E-LEARNING | FORMAÇÃO | FORMAÇÃO AVANÇADA | MBA's | LIVRARIA | NOTÍCIAS | CONTACTO
menu logo logo cognos formação
logo cognos formação

Curso
Nutrição do Idoso

Contacto Cognoscontactos cognos

Curso de Formação Nutrição do Idoso



Preço
230 €. Possibilidade de pagamento faseado

Formatos disponíveis
E-Learning (2 meses) 
ou
Presencial (70h)

Certificação
+info


O envelhecimento é um processo complexo, irreversível, progressivo e natural, sendo caracterizado por diversas modificações, tais como morfológicas, funcionais e bioquímicas, que influenciam a nutrição e alimentação dos indivíduos.

Na terceira idade, um estado nutricional inadequado coopera de forma significativa para um aumento da incapacidade física, morbilidade e mortalidade.

O QUE DIZEM OS NOSSOS FORMANDOS...

  • O material de apoio está muito claro e vai, doravante, ser um livro de consulta.
    Alda Almeida
  • A formação foi muito gratificante, estava muito bem elaborada.
    Célia Farias
  • O material de apoio está muito claro e vai, doravante, ser um livro de consulta.

    • Alda Almeida
  • A formação foi muito gratificante, estava muito bem elaborada.

    • Célia Farias
Close

1. CALENDARIZAÇÃO
Em formação e-learning: início imediato
ou
Em formação presencial: início a 6 de Dezembro

2. DESTINATÁRIOS
Profissionais da área da saúde e estudantes, técnicos e auxiliares de geriatria.
Outros profissionais que pretendam adquirir ou consolidar conhecimentos neste tema específico.

3. OBJETIVOS
• Adquirir conhecimentos sobre noções básicas de nutrição e alimentação;
• Reconhecer os fatores que interferem na alimentação na terceira idade;
• Identificar e caracterizar as necessidades alimentares dos idosos;
• Explicar a necessidade de hidratação na alimentação no idoso;
• Identificar os fatores que afetam o estado nutricional nos idosos;
• Indicar as consequências da má nutrição na terceira idade;
• Reconhecer os passos para preparação de uma ementa para idosos;
• Adquirir conhecimentos sobre os principais fatores a ter em conta na elaboração de ementas para a população idosa;
• Planear e orientar intervenções nutricionais específicas de acordo com determinadas patologias;
• Descrever os distúrbios alimentares mais comuns no idoso;
• Indicar os cuidados a ter na aquisição de alimentos, bem como no seu armazenamento e conservação.

4. PLANO CURRICULAR

  • Roda dos alimentos: grupos alimentares e sua composição 
    • Adaptação da roda dos alimentos à população idosa
    • Análise de recomendações que vão além da roda dos alimentos
  • Nutrientes
    • Proteínas
    • Lípidos
    • Glícidos
    • Vitaminas
    • Fibras
    • Sais-minerais
    • Água
  • Alimentação Saudável
    • Diversidade de alimentos
    • Horários
    • Número de refeições
    • Quantidade de alimento
    • O consumo de água
    • Alimentos a privilegiar e a evitar

  • Necessidades nutricionais
    • Energia
    • Proteínas
    • Hidratos de Carbono
    • Gorduras
    • Vitaminas e Minerais
    • Fibra
  • Necessidades de hidratação

  • Porquê a avaliação do estado nutricional?
  • Objetivos da avaliação do estado nutricional
  • Determinantes do estado nutricional da pessoa idosa
  • Ferramentas de avaliação do estado nutricional da pessoa idosa
  • Avaliação do estado nutricional

  • Desnutrição e malnutrição
  • Estado nutricional
  • Intervenção nutricional

  • Elaboração de ementas segundo as necessidades nutricionais do idoso
  • Construção do Plano de Ementas
  • Avaliação da ementa

  • Principais Patologias no Idoso e sua intervenção nutricional
    • Desidratação
    • Demências (Doença de Alzheimer)
    • Obesidade
    • Hipertensão Arterial
    • Alterações gastrointestinais
    • Diabetes
    • Osteoporose

  • Alterações fisiológicas do envelhecimento
  • Défice de vitaminas e minerais no envelhecimento e suas consequências

  • Noções básicas de Segurança Alimentar
  • Cuidados na aquisição de alimentos
  • Cuidados no armazenamento e conservação dos alimentos

  • Noções básicas de alimentação coletiva para idosos
  • Recomendações de caráter geral em alimentação coletiva
  • Medidas para tornar as refeições mais apelativas e bem servir os idosos
  • As dietas de textura modificada

5. CERTIFICADO
Este curso enquadra-se na Formação Profissional Contínua. Irá obter, no final do curso, um Certificado de Formação Profissional emitido através da Plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa), em conformidade com a Portaria nº 474/2010, de 8 de julho, sendo para isso necessário atingir uma classificação final igual ou superior a 10,00 valores.

O Certificado de Formação Profissional é válido para cumprimento das 40 horas de formação profissional contínua obrigatória para as Empresas, de acordo com o Código do Trabalho.

O Certificado de Formação Profissional poderá também ser válido para:

  1. Valorização da candidatura num concurso público ou privado, dependendo do regulamento específico do concurso.
  2. Obtenção de créditos (ECTS), numa instituição de ensino superior, nos termos do disposto no artigo 45.º Creditação, 1 alínea f) do Decreto-Lei n.º 65/2018, de 16 de agosto e, legislação vigente, transcrita seguidamente:
    “1 — Tendo em vista o prosseguimento de estudos para a obtenção de grau académico ou diploma, os estabelecimentos de ensino superior: f) Podem creditar outra formação não abrangida pelas alíneas anteriores, até ao limite de um terço do total dos créditos do ciclo de estudos.”
    O valor de ECTS é analisado e creditado pelas Instituições de Ensino Superior.

6. EQUIPA FORMATIVA
Formadores Certificados Pedagogicamente pelo IEFP-Instituto de Emprego e Formação Profissional e com vasta experiência na área.